Esqueci minha senha

UFPE sedia reunião da IAEA em Dosimetria Biológica

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) sedia, de 18 a 22 de fevereiro de 2019, a segunda reunião do Grupo de Pesquisa sobre Aplicações de Métodos de Dosimetria Biológica em Radiação na Oncologia, Medicina Nuclear, e Radiologia Diagnóstica e Intervencionista (Medbiodose), coordenada pela Agência Internacional de Energia Atômica (IAEA, sigla em inglês). O evento é fechado aos pesquisadores participantes do projeto e será realizado no Auditório Reitor João Alfredo, na Reitoria da UFPE. Pelo Brasil, participam os membros titulares da SBBN, prpfessores Ademir Amaral, Thiago Salazar Fernandes e Edvane Borges da Silva.

Um dos objetivos do encontro é debater formas de mitigar os efeitos colaterais inerentes à exposição de tecidos sadios às radiações ionizantes durante a radioterapia e, assim, inovar o tratamento de câncer com radiações ionizantes, considerando a radiossensibilidade de cada paciente. Em 2017, a IAEA selecionou 23 instituições de pesquisas de 20 países. A UFPE é a única instituição brasileira a integrar este grupo através do Laboratório de Modelagem e Biodosimetria Aplicada (Lambda), do Departamento de Energia Nuclear (DEN).

De acordo com o professor Ademir Amaral, coordenador do Lambda e secretário científico do encontro, serão discutidos os avanços alcançados por cada instituição envolvida neste primeiro ano de trabalho, bem como o cronograma de atividades para os próximos anos. Ao final dos quatro anos do projeto, o Medbiodose deverá disponibilizar, aos centros de diagnósticos e tratamento de câncer, metodologias que objetivam otimizar as aplicações das radiações ionizantes no combate ao câncer. A dosimetria biológica, também conhecida como biodosimetria, envolve métodos de avaliação de efeitos biológicos radioinduzidos, buscando relacioná-los com os níveis de exposição às radiações ionizantes. O projeto coordenado pela IAEA busca aprimorar o conhecimento das metodologias biodosimétricas, integrando as diferentes abordagens técnico-cientificas para inovar as aplicações das radiações ionizantes na saúde e contribuir para a medicina personalizada em radioterapia.